13 de maio de 2009

5. Brewing Sessions Hefe-weizen

Continuando na onda das weizen, cá está a minha mais recente produção, a Brewing Sessions Hefe-weizen.
A receita que criei é bastante simples, com metade da quantidade total de grão a ficar a cargo do malte de trigo. Quanto ao resto, malte pilsen e munich.
A lupulagem foi bastante reduzida como é característico do estilo e ficou a cargo dos lúpulos Perle e Hersbrucker. Cá está a receita:
. 3,4 Kg de Malte de Trigo
. 1,6 Kg Malte Pilsen
. 0,15 Kg de Malte Munich
. 14 g Perle (60 min.)
. 14 g Hersbrucker (30 min.)
. Fermentis SAFBREW WB-06
Brassagem longa com 2 etapas distintas, sendo a primeira uma paragem de 30 minutos a 55ºC e a segunda uma paragem de 45 minutos aos 67ºC. Depois disto subi para a temperatura de mash-out (77ºC).
Fervura de 90 minutos, arrefecimento a 20ºC, oxigenação e posterior inoculação da levedura.
A fermentar a 20ºC.
Preparei um starter antes 48h com a receita do costume. Passado umas 6 ou 7 horas começou a borbulhar.
Na próxima segunda-feira vou transferi-la para o fermentador de guarda onde irá ficar as tradicionais 2 semanas, após as quais será engarrafada com 7g/L de açúcar para a carbonatação.
De seguida a reportagem fotográfica.


12 comentários:

Felipe disse...

Saudações ao colega cervejeiro português. Quem vos fala é o autor do blog Koloss Bier. Parabéns pelas produções e pelo blog!

Edson Costa disse...

Caro Felipe, obrigado pelo comentário!

Abraço

Edson Costa disse...

Ao fim do terceiro dia de fermentação resolvi aumentar a temperatura de fermentação para os 22ºC (20ºC no banho-maria). Isto para, agora que a fermentação já está perto do fim, fomentar o desenvolvimento de aroma a banana característico do estilo.
O aroma a banana em excesso não é bem do meu agrado e por isso comecei a fermentação a uma temperatura mais baixa.
Acho que aumentando agora a temperatura de fermentação vou conseguir um equilibrio cravo / banana que será mais do meu agrado.

Edson Costa disse...

A hefe já está engarrafada. Ficou com uma FG de 1.011, o que deu uma cerveja com 5.4% Abv.
Fiz um primming com 7g/L de açúcar branco.
Dentro de duas semanas a prova dos 9.

Abraço

Hugo disse...

Fiquei boquiaberto com o aspecto desta cerveja, parece de produção alemã eheh.

Estou a pensar na minha primeira produção, mas por enquanto apenas tenho lido e lido. Pensei começar por uma receita conhecida e parece-me que vou seguir a tua receita.


Uma das minhas dúvidas é acerca da levedura, utilizas todo o conteúdo do pacote? neste caso as 11.5g de Fermentis WB-06 ? Tive a procurar, não pensei que fosse tão caro. 3,5€ na loja da cerveja artesenal, é pelos visto o ingrediente mais dispensivo da produção de cerveja? (isto se for usado o saco inteiro?

Outra das minhas dúvidas, é a quantidade de cerveja produzida nesta tua produção, quantos litros fabricaste?

Agradeço desde já.
Obrigado.

Edson Costa disse...

Caro Hugo, antes de mais muito obrigado pelo comentário.
Relativamente às tuas dúvidas, sim utilizo todo o pacote de levedura. Para além disso, antes 2 dias preparo um starter onde inoculo a levedura. Isto para aumentar ainda mais a quantidade de levedura. Um pacote não é demais.
Se optares por leveduras líquidas da Wyeats, ainda são mais caras (à volta dos 6€).
Podes depois aproveitar a levedura que fica no fundo das garrafas para fazer propagação, no entanto, inicialmente terás mesmo que comprar a levedura.
Relativamente à quantidade de cerveja, foram 20 litros de uma bela hefe-weizen...
Se avançares com a receita, vai dando notícias, para saber como ficou.

Abraço

Hugo disse...

Caro Edson,

Ando com dificuldades em adquirir algum do material necessário para a produção de cerveja caseira. A principal é a panela, não existem muitos sítios onde se encontra panelas de 30 L, já procurei na Makro, Continente, e alguns hipermercados e nada. Uma dúvida que me surge é qual é o material que deve ser constituído a panela, Inox ou alumínio?
Parece-me que ainda tenho de aguadar mais uma mês até encontrar todo o material necessário, como tentar obter a resistência de aquário para a temperatura de fermentação, etc.
Em príncipio o meu material será:

Kit superior da loja caseira:
* Fermentador (30L) com borbulhador
* Balde de Engarrafamento (c/ torneira e v álvula de engarrafamento)
* Sifão Automático para uma trasfega mais fácil das cervejas
* Espátula cervejeira
* Termómetro vidro -10 +110 ºC
* Densímetro c/ 3 escalas e Proveta
* Sanitizante Chemipro Oxi (p/ limpeza e sanitização do material)
* Escovilhão para limpeza das garrafas
* Capsulador de Tripé. Robusto, fiável e apto para todos os tipos de garrafas
* 100 cápsulas 26mm.

Depois falta-me então,
* Kit arejamento;
* Cuba-filtro 30 L;
* Sacos-musselina;
* Vou fazer o meu próprio permutador de calor para o arrefecimento, aconcelhas algum material? cobre? Será possível com o material das próprias mangueiras?
* Proveta;
* Papel PH;
* O moinho de malte, acho que tenho prali alguma coisa que faz o mesmo efeito, tenho de confirmar
* Balança do chinês;

Ora, acho que não falta nada certo?
Ainda é um número considerável de equipamentos que tenho de comprar, embora vá tentar arranjar soluções para alguns sem gastar muito dinheiro.

Provávelmente só no mês de Fevereiro é que terei quase todo o material disponível e só a partir daí farei então a minha primeira produção, até porque tenho exames até meio de Fevereiro. Pelo que, só a partir dessa data estarei disponível, concerteza que a minha motivação estará alta.

Muito Obrigado.

Edson Costa disse...

Caro Hugo, em relação à panela, arranjei a minha na feira. É em aluminio e custou-me à volta dos 40€.
A cuba filtro podes improvisar com dois baldes (fermentadores)e uma torneira. Furas o fundo de um deles com uma broca muito fina e depois colocas o balde firado dentro do outro. O efeito é o mesmo e fica muito mais barato do que a cuba filtro.
Para o permutador, aconselho-te sem dúvida o cobre.

O investimentos inicial é considerável, mas vale bem a pena o investimento.
Se precisares de mais alguma ajuda, é só dizer.

Abraço

Hugo disse...

Boas Edson!

Já fui comprar o material e amanha vou fazer em casa a cuba-filtrante. Comprei 1 balde a mais onde vou fazer vários furos de cerca de 2 mm cada, posteriormente será usado por cima do balde com torneira!

Entretanto, consegui comprar todos os ingredientes, optando antes pela levudura líquida wyesast 3068 da propagator, pois o fernando não tem disponível a wb-06. Outra coisa que não consegui comprar foi o lúpulo hersbrucker, comprei lúpulo Saaz. O que me dizes sobre isso? Vale a pena comprar mesmo hersbruccker ou devo encomendar hersbrucker só para o efeito?

A ver se no próximo fim de semana começo então a produção! Falta-me ainda comprar um termostáto de aquário para regulação da temperatura de fermentação, de resto está tudo.

Edson Costa disse...

Boas Hugo!

Em relação à tua questão relativamente aos ingredientes que compraste, acho que não vais ter problemas, aliás, só vantagens.
A levedura que compraste é considerada "a levedura" das weizen. No meu caso, acabei por usar a WB-06 porque não consegui arranjar a Wyeast 3068.
Em relação ao lúpulo, o Saaz é um óptimo lúpulo de aroma, tradicional das Pilsner checas, mas que ficará fantástico nesta weizen.
Força com isso!

Abraço

Hugo disse...

Caro Edson, desculpa mais uma vez estar-te a chatear, mas vou tendo dúvidas atrás de dúvidas á medida que vou escrevendo o meu guia de produção!
Espero no proximo fim de semana ter tudo escrito e discriminado para assim, saber os passos a seguir e não me faltar nada.
Estou com uma dúvida em relação á minha receita, vou fazer 15 litros, pois a minha panela tem uma capacidade de 17 litros e meio (aproximadamente).

Ora a minha dúvida pretende-se com o facto da percentagem de ingredientes e tempos.

Ora na receita original fica:
. 3,4 Kg de Malte de Trigo
. 1,6 Kg Malte Pilsen
. 0,15 Kg de Malte Munich
. 14 g Perle (60 min.)
. 14 g Hersbrucker (30 min.)

Para supostamente 20 L.

Ora para a minha receita ficará, vai ser proporcional para os 20 L só que para os 15 L, certo? Ficará então:

. 2,55 Kg de Malte de Trigo
. 1,2 Kg Malte Pilsen
. 0,11 Kg de Malte Munich
. 10,5 g Perle (60 min.)
. 10,5 g Hersbrucker (30 min.)

Os tempos, serão mantidos certo?

Outra coisa, é a quantidade de água a usar, não sei qual a quantidade inicial que devo juntar de água, como julgas a água que é necessária?

Obrigado

PS: já agora, se tiveres MSN, ou se não tiveres, gostaria que me mandasses o teu mail para slipkout@hotmail.com

Hugo Martins

Mauro disse...

Olá amigo, gostaria de saber onde posso encontrar os produtos para fabricar essa cerveja, principamnete, o Hersbrucker. Obrigadao.